Páscoa



E quantos e quantas de nos não procuramos na fantasia inspiração para superar os desafios da vida real?  Cada um tem suas preferências, seu estilo, suas particularidades; são fantasias que vão desde o príncipe encantado, a casa própria, um amor de verão, uma tatuagem.  O que para uns é sonho para outros é realidade e essas duas dimensões se chocam, se misturam e se confundem.

A Páscoa tem um pouco dessa mistura, sendo a mais antiga e importante festa cristã, celebrando a  ressurreição de Jesus ocorrida três dias depois da sua crucificação no calvário, Acaba quase sempre lembrada e comemorada somente como a festa do coelho e dos ovos de chocolate.


"O ovo é uma  tradição antiga que surgiu antes de Cristo. Na Europa, as pessoas trocavam ovos no Equinócio de 21 de março para celebrar o fim do inverno e o início da primavera (no Brasil, fim do verão e início do outono). Quando a Páscoa cristã começou a ser celebrada, a troca de ovos começou a fazer parte da Semana Santa. Os cristãos passaram a ver no ovo um símbolo da ressurreição de Cristo. Naquela época,  as pessoas trocavam ovos de galinha decorados. A tradição dos ovos de chocolate começou na França e, a partir do século XIX, os ovos doces tomaram conta da comemoração.


A tradição do coelho da Páscoa é mais recente, se comparada à do ovo. O costume surgiu no século XVI, na Alemanha. Os alemães trouxeram o hábito para a América no século XIX. O animal foi associado à Páscoa porque se reproduz rapidamente e simboliza fertilidade e vida nova."


Nos cabe decidir o que nos faz bem e no que vale a pena acreditar, regras e padrões são impostos a todo momento, lidar com essas cobranças é complexo ao ponto de nos impedir de extravasar, de viver e de focar no que de fato importa...se reinvente, mude, inspire-se...


Hoje é o momento mais importante da minha vida, minha formatura, meu primeiro emprego, meu casamento, o nascimento do meu filho, meu primeiro beijo, o dia em que a vizinha se mudou, que ganhei um cachorro, que fui passear no parque, que tomei sorvete, que dormi até mais tarde, que a menina da casa ao lado sorriu pra mim. Entre tantos momentos... seu grau de importância se dá independente de idade, religião ou momento histórico. Perpassa esses detalhes pois é particular, individual e intransferível. Sentir é único e é só seu. O tempo constrói, destrói, inventa , reinventa, muda, volta atrás... o passado se encontra com o presente e juntos procuram o futuro que volta e meia aparece travestido de pretérito imperfeito por vezes mais que perfeito...

FONTE: http://www.turminha.mpf.mp.br/nossa-cultura/pascoa/por-que-ovos-e-coelhos-sao-simbolos-da-pascoa



Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...